Como Posso Lidar Com Sentimentos De Culpa?

Os sentimentos de culpa provêm de uma má consciência. Minha consciência me diz o que é correto e incorreto, e nunca devo atentar contra ela.

Se fiz algo errado e agi contra minha consciência, devo pedir perdão a Deus; crer em seu perdão e ser obediente a sua Palavra. Também devo cuidar para que minha consciência esteja em linha com a Palavra de Deus, para que assim não seja desnecessariamente condenado, mas que em forma constante possa estar mais atento ao que é a vontade de Deus em minha vida.

O que é a consciência?

Temos um inato sentido pelo que é correto e incorreto, uma “voz interna” que considera todos nossos pensamentos, palavras e obras. Esta “voz interior” é a nossa consciência, que nos diz o que é moralmente correto ou incorreto.

No entanto, a minha consciência não é constante. Ela é formada e desenvolvida pelo ambiente, experiências e compreensão. Por isso é que a consciência é diferente em cada ser humano. Esta não pode ser usada como a “última palavra”.

Uma consciência limpa

O mínimo que se requer para estar em paz com Deus, é ter uma consciência limpa. Nunca, por nenhuma razão devo atentar contra minha consciência, porque isto significa que estou cometendo pecado deliberadamente. Uma consciência limpa significa que eu vivo perfeito com a luz (compreensão) que eu tenho.

Se cometi pecado conscientemente, tenho que pedir perdão a Deus e se necessário, também às demais pessoas. Tenho que pôr meus assuntos em ordem a fim de poder fazer progresso em minha vida espiritual.

Uma consciência fraca

Como cristão, posso continuar a sentir-me culpado mesmo depois de ter recebido perdão de pecados. O acusador continua me lembrando por coisas que fiz no passado. Mas é aí que devo resistir-lhe firme na fé, porque Jesus apagou minha culpa. Tenho que me afastar do pecado para ser livre dos sentimentos de culpa.

Eu posso me sentir culpado em minha vida Cristã por causa de uma consciência hipersensível e fraca, que me acusa de muitos tipos de coisas que não têm nada a ver com o serviço a Deus. Posso estar muito ocupado com coisas externas que considero corretas ou incorretas sem encontrar a vontade de Deus. Eu também posso me sentir culpado pela opinião dos outros sobre coisas que eu disse ou fiz. Satanás, o acusador, usa cada oportunidade para me fazer sentir desesperado, e poder me encher com pensamentos de acusação contra outros.

Se meu desejo é servir a Deus, então Ele me ajuda, e guia minha consciência na direção correta. A Palavra de Deus tem diretrizes claras sobre sua vontade. Podemos rezar para que o Espírito Santo nos ajude e nos guie a receber um melhor entendimento.

Uma consciência danificada

Se eu sou frio e duro em uma ou mais áreas da minha vida, e atuou deliberada e voluntariamente contra a minha consciência uma e outra vez, posso terminar com uma consciência danificada. Continuando com a desobediência Minha consciência é “apagada”, com o resultado de que continuo fazendo coisas incorretas em minha vida, porém já não sinto nenhuma culpa. Claro que este é um estado muito perigoso do homem.

Se de todo coração me arrependo e começo a servir e fazer a vontade de Deus, todas estas áreas me são reveladas. Devo tomar minha luta contra o pecado e pôr meus assuntos em ordem. Está escrito que devo colher o que semeei, e esta “colheita” pode ser dolorosa e difícil de suportar, no entanto, pela obediência e perseverança posso ser curado.

Minha salvação e uma consciência em desenvolvimento

Paulo escreve que embora de nada tivesse má consciência, não por isso era justificado. (1 Coríntios 4:4). Ele tinha uma consciência limpa, mas sabia que havia áreas em sua vida que não eram perfeitas à luz de Deus. Paulo sabia que era preciso mais do que uma consciência limpa para ser completamente salvo.

Se vou fazer a vontade de Deus, o Espírito Santo tem que iluminar sobre aquelas áreas da minha vida onde a minha consciência não é suficientemente sensível para reagir. O Espírito me mostra o pecado que habita em minha carne (minha natureza humana), e esta é uma área muito mais ampla do que apenas o pecado visível. Se eu for obediente e me deixar guiar pelo Espírito, então minha consciência se desenvolverá e eventualmente abrangerá uma área maior.

Leia mais na nossa página de tópicos sobre “Perdão e Culpa”.

 Como posso lidar com sentimentos de culpa?