O Que A Bíblia Diz Sobre Satanás?

Satanás é uma criatura horrível.  É repugnante à vista, com chifres, cauda, um tridente, etc. Esta imagem de Satanás é a que estamos mais familiarizados. No entanto, se olharmos para o que a Bíblia diz sobre ele, vemos que nada pode estar mais longe da verdade.

De fato, esta é uma deturpação muito perigosa. Em Ezequiel 28: 12-19 temos uma imagem real de Satanás. “Tu eras o selo da perfeição, cheio de sabedoria, e acabado de formosura. Tu, querubim grande, protetor, eu te pus no santo monte de Deus. Perfeito estavas em todos os teus caminhos desde o dia em que foste criado.”

Isto não se parece em nada com a típica imagem de Satanás que muitas pessoas têm. De fato foi um querubim, pertencia à ordem mais alta dos anjos. Sentou-se no céu, um ser do mais alto escalão e de posição exaltada. Criado por Deus, acabado de beleza.

A queda de Satanás

Mas Satanás afastou seus olhos de seu Criador e começou a admirar a criação; por si mesmo. “Corrompeste a tua sabedoria por causa do teu esplendor.” (Ezequiel 28,17) Tornou-se orgulhoso e exaltou-se a si mesmo, e o desejo de governar nasceu nele. Ele mesmo desejava sentar-se no lugar de Deus. Sussurrou mentiras até que teve um terço dos exércitos celestiais ao seu lado.

“Como caíste do céu, ó Lucero, filho da manhã! Cortado foste por terra, tu que debilitavas as nações. Tu, que dizias no teu coração: Subirei ao céu; no alto, junto às estrelas de Deus, levantarei o meu trono, e me assentarei no monte do testemunho, nas extremidades do norte; sobre as alturas das nuvens subirei, e serei semelhante ao Altíssimo.”  Isaías 14:12-15.

O problema começou com este “eu farei”. Satanás se afastou de escutar a voz de Deus e começou a buscar sua própria vontade. Colocar outra vontade sobre a vontade de Deus é o mesmo que dizer que a vontade de Deus não é perfeita. Quando Satanás disse: “Eu farei”, o pecado começou. Deus chama a si mesmo pelo nome, “EU SOU”. (Êxodo 3:14) Ele não dá este nome a ninguém mais. Quem quer ser algo em si mesmo está portanto em conflito com Deus, e é expulso.

“Depois houve uma grande batalha no céu: Miguel e seus anjos lutavam contra o dragão; e lutavam o dragão e seus anjos; mas não prevaleceram, nem se achou lugar para eles no céu. E foi lançado fora o grande dragão, a serpente antiga, que se chama diabo e Satanás, que engana o mundo inteiro; foi jogado na terra, e seus anjos foram lançados com ele.”  Apocalipse 12:7-9.

Satanás como o príncipe deste mundo

Assim foi Satanás expulso do céu, e agora nunca mais deve ser questionada a absoluta bondade, sabedoria e amor de Deus. Deve ser demonstrado que a vontade de Deus é a única coisa boa e perfeita. Por isso Satanás recebeu domínio sobre a terra, e seu propósito é estabelecer-se a si mesmo como o deus deste mundo. A terra não está sob o controle direto de Deus, mas de Satanás, que recebeu praticamente carta branca para fazer o que quisesse. Jesus chama a Satanás “o príncipe deste mundo.” João 12:31. O Apóstolo Paulo o chama “o deus deste século.” 2 Coríntios 4:4. Este é o plano de Deus para revelar completamente a falsidade e engano do pecado. Deve-se demonstrar além de toda dúvida que o caminho de Satanás só conduz à morte e destruição.

A maior parte do mundo não está consciente que estão “sob o maligno.” 1 João 5:19. Satanás usa seu orgulho inerente para que eles se ocupem de si mesmos e de sua grandeza, e isso afetou todos os aspectos da humanidade. Seu objetivo é que os homens estejam tão seguros de suas habilidades humanas que prescindam de toda necessidade de Deus. Ele não está interessado em fazer mal ao mundo, somente levá-los a todos sob seu domínio. Ainda sussurra suas mentiras em cada orelha, e semeia orgulho e dúvida, da mesma forma que fez enquanto esteve no céu.

Os adversários de Satanás

Igualmente Deus estende a mão e impede que Satanás realize seus planos por completo. Ele enviou Jesus para abrir um novo caminho que a humanidade pudesse seguir. Sobre toda a terra encontram-se pessoas que renunciaram a sua própria vontade para seguir o seu Salvador, e que crêem na perfeita vontade de Deus. Estas almas fiéis juntas formam a Igreja de Deus. Este grupo é a espinha no olho de Satanás. Ele trabalha para introduzir dúvida, orgulho, divisão, ou o que seja para afastar o coração dos homens de Deus.

“Sede sóbrios, e vigiai; porque vosso adversário o diabo, como leão rugente, anda ao redor buscando a quem devorar.”  1 Pedro 5:8. Ele busca desesperadamente; quer ter controle completo sobre esta terra, e ataca onde quer que seja para levar a cabo seu plano. Mas para todos aqueles que têm um coração para Deus, é possível resistir-lhe.

“De resto, irmãos meus, fortalecei-vos no Senhor, e no poder da sua força. Portanto, tomai toda a armadura de Deus, para que possais resistir no dia mau, e tendo acabado tudo, estar firmes.” Efésios 6: 10-17.

Devido a este poder que está disponível, é possível encontrar homens em todo o mundo que se opõem ao engano de Satanás, que vencem sobre o pecado, e que brilham como uma luz neste mundo escuro e mau. Estes são os que através de sua fidelidade demonstram que o caminho de Deus é perfeito, enquanto o resto da humanidade demonstra que o caminho de Satanás, este orgulhoso “eu farei”, só leva à destruição. Quando este mundo tiver passado, será a vontade de Deus que permanecerá por toda a eternidade. Satanás, o grande enganador, será finalmente lançado no lago de fogo pelos séculos dos séculos.” Apocalipse 20:10

 O que a Bíblia diz sobre Satanás?