O Que É Que O Espírito Santo Faz Por Nós?

Qual é a função do Espírito Santo?

O que é que o Espírito Santo faz por nós? Tudo o que tem um valor eterno nesta vida e na eternidade vem através da obra do Espírito Santo em nossas vidas.  Se queremos seguir a Jesus, e vemos que necessitamos ajuda para fazê-lo, Deus envia Seu Espírito Santo. Somente temos que pedir e ser obedientes para poder recebê-lo. (Lucas 11:9-13; Atos 5:32)  Quando nos tornamos discípulos e recebemos o Espírito Santo, ele começa a trabalhar em nós, para nos transformar à imagem de Cristo (Romanos 8:29). Os discípulos têm sua mente nas coisas do Espírito, e serão conduzidos à vida e à paz.

O Espírito Santo dá-nos poder

“mas recebereis poder, quando o Espírito Santo vier sobre vós, e sereis testemunhas em Jerusalém, em toda a Judeia, em Samaria, e até aos últimos da terra.”  Atos 1:8.

Para que é o poder do Espírito Santo?  Paulo testemunhou que era seu “desejo e esperança” que pela vida ou morte Jesus seria magnificado em seu corpo. (Filipenses 1:20) A maior função que o Espírito Santo desempenha é fortalecer Seus discípulos para serem transformados à imagem de Jesus; Sua vida se manifesta em nós, desde que mantenhamos a morte do Senhor Jesus em nossos corpos (2 Coríntios 4: 10-11).  Assim damos testemunho de Jesus Cristo. Não é possível para nós fazer isto com a nossa própria força, só é possível através do poder que o Espírito Santo nos dá.

Jesus abriu um caminho novo e vivo através de Sua carne pelo Espírito eterno, e se ofereceu a si mesmo sem mancha diante de Deus, por isso também é possível para nós servir ao Deus vivente nas obras que preparou de antemão para nós. (Hebreus 9:14; Hebreus 10:20) O Espírito Santo nos guiará e nos ensinará a obediência à Palavra de Deus em nossos padecimentos e seremos aperfeiçoados, tal como Jesus foi. (Hebreus 5:7-9)

Jesus diz que seu Pai é glorificado quando Seus discípulos dão fruto.   Aqueles que levarem frutos serão limpos para que levem ainda mais frutos (João 15.2, 8). Este é o processo da santificação através do Espírito Santo, que nos leva a participar da glória de Jesus (Suas virtudes) (2 Tessalonicenses 2:14). O poder do Espírito Santo fortalece nossa própria vontade para não desanimar, e para poder permanecer firmes sem desmaiar até o final!

O Espírito Santo é o nosso Consolador

Jesus chamou ao Espírito Santo o Consolador. (João 15:26) Ele nos guiará a toda a verdade, mostrando-nos e fazendo-nos reconhecer nosso pecado, a justiça e o juízo. (João 16: 8-15) Poderemos ver a nós mesmos, o que habita em nossa carne, através do Espírito na luz da Palavra de Deus.

O Espírito Santo nos dá poder para vencer sobre o pecado consciente. Está escrito que se andarmos no Espírito não satisfaremos os desejos da carne (Gálatas 5:16). Se andarmos em Espírito e vivemos em Espírito, não nos tornaremos gloriosos, irritando-nos e invejando-nos uns aos outros (Gálatas 5: 25-26). Pense na comunhão que surge desta obra do Espírito, enquanto os frutos do Espírito crescem em nós cada vez mais!

O Espírito Santo é nosso intercessor

Outra tarefa do Espírito Santo é que é nosso intercessor. (Romanos 8:26) Ele tomará o que é de Jesus e nos fará saber (João 16: 13-15). Nós não oramos como deveríamos, mas o Espírito sabe como devemos orar. Pelo Espírito somos levados a diferentes situações na vida diária que fazem com que nossa carne reaja. Estas situações dão-nos luz sobre o pecado que habita em nós (na nossa carne). Todos reagimos de diferentes maneiras, seja por palavra ou por ação. Se pensarmos no que dissemos ou fizemos, veremos que o pecado esteve presente. Não foram as virtudes que se manifestaram, mas sim a nossa natureza humana. Percebemos que fizemos os que odiamos, assim como Paulo escreve em Romanos 7:18-25.

Estas ações involuntárias que provêm da carne e são postas à luz, são conhecidas como “obras do corpo” e podem apresentar-se como pensamentos, palavras e inclusive ações. Não há condenação por estas obras, porque não estamos de acordo em pecar conscientemente. No entanto, através do Espírito, podemos vencer essas ações involuntárias depois que elas saem de nossos corpos; primeiro amar e reconhecer a verdade sobre o que aconteceu, e depois estar em desacordo e odiá-las.  “Porque, se viverdes segundo a carne, morrereis; mas, se pelo Espírito fizerdes morrer as obras da carne, vivereis.” Romanos 8:13. Quando o Espírito é meu guia e minha força, continuo andando na luz e posso vencer estas obras antes que aconteçam de novo.

O Espírito Santo dá dons

Jesus repartiu variedade de dons a Seus discípulos; dons de cura, de profecia, de falar em línguas e interpretação, da palavra do conhecimento, da palavra de sabedoria, de fazer milagres, de discernir os espíritos, etc. O Espírito Santo deu tais dons para proveito de cada um. São utilizados por seus discípulos para construir e edificar o corpo terreno de Cristo. “. até que todos cheguemos à unidade da fé e do conhecimento do Filho de Deus, a um varão perfeito, à medida da estatura da plenitude de Cristo.”  Efésios 4: 12-13.

Paulo exortou pois a procurar os dons melhores. Mas eu vos mostro um caminho ainda mais excelente.  Depois descreve as qualidades do amor, e diz que sem elas, não somos nada. “O amor é sofrido é benigno; o amor não tem inveja; o amor não é jactancioso, não se envaidece; não faz nada indevido, não busca o que é seu; não se irrita, não guarda rancor; não se goza da injustiça, mas se alegra na verdade. Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta. O amor nunca deixa de ser.” 1 Coríntios 13: 4-8. Deixemo-nos medir por estas qualidades divinas, e deixemos que o Espírito Santo trabalhe conosco, para que possamos chegar a elas na verdade.

“. para que vos dê, segundo as riquezas da sua glória, ser fortalecidos com poder no homem interior pelo seu Espírito, para que Cristo habite pela fé nos vossos corações, a fim de que arraigados e alicerçados em amor, seja plenamente capaz de compreender com todos os santos qualquer que seja a largura, comprimento, profundidade e altura, e de conhecer o amor de Cristo, que excede a todo o conhecimento, para que sejais cheios de toda a plenitude de Deus.” Efésios 3: 16-19.

Uma vocação assombrosa, uma glória magnifica, através do trabalho do Espírito Santo. Humilhemo-nos profundamente sob a poderosa mão de Deus, através da guia do seu Espírito, para que a graça venha sobre nós, e cheguemos a essa plenitude. De modo que façamos o que Paulo exortou a Timóteo, ocupe-se destas coisas; permanece nelas, para que teu aproveitamento seja manifesto a todos. (1 Timóteo 4:15).

 O que é que o Espírito Santo faz por nós?